O ativismo pelos cabelos naturais não pode ficar restrito a cor da pele.

Mulheres de cabelo crespo passam a vida sendo bombardeadas pelo padrão de beleza que, por muito tempo, só teve espaço para o cabelo liso.

Marisa Silva, cabeleireira e diretora da ONG Umont, apresentará técnicas de tranças, dreads e penteados para cabelos crespos.

A atividade tem como objetivo valorizar a tradição e estética afro, além de provocar a autoestima e autoafirmação da mulher negra.

Veja este post nas redes sociais

regua-de-logos-museu-india-vanuire-governo-sp

Todos os direitos reservados. © Museu Índia Vanuíre 2020.